Facebook
RSS

Está terminando o carnaval do Orkut no Brasil?O site de relacionamentos virtuais Orkut pode fechar suas atividades no Brasil ou pelo menos limitar o acesso de internautas brasileiros. A informação foi obtida pela Folha Online na sede da empresa em Mountain View, na Califórnia. As pessoas ouvidas pediram anonimato por se tratar indiretamente de uma questão jurídica em andamento.

Para a empresa, a ação pode ser tomada se não for possível coibir excessos dos usuários brasileiros ou não se chegar a um acordo com a Justiça do país. A direção do Google avalia que, seja qual for o resultado da atual disputa jurídica, a imagem do site pode sair irremediavelmente arranhada no Brasil, país que responde por entre 80% e 90% do total de usuários, de cerca de 20 milhões.

O Orkut está envolvido num imbróglio jurídico há alguns meses. O procurador da República Sérgio Suiama, do Ministério Público Federal, investiga crimes que teriam sido praticados no ambiente ou por intermédio do site desde 2003.

Atento a tudo isso, o Sonico, site de relacionamentos com foco em latinos está chegando oficialmente ao Brasil com a meta de superar o Orkut.

Mesmo antes de sua estréia oficial em terras brasileiras, o Sonico afirma ter uma base de cinco milhões de brasileiros cadastrados, de um total de 24 milhões de usuários que se concentram principalmente em países latinos, como México, Colômbia, Peru e Argentina.

Para atingir seus objetivos o Sonico conta com uma política rígida para o controle de conteúdo impróprio e um time de investidores. “Somos um serviço da segunda geração das redes sociais. Resolvemos os problemas da falta de confiança dos anunciantes e do conteúdo impróprio com pornografia e pedofilia. Por isso acredito que podemos sim, ser a rede social número 1 do Brasil”, disse Rodrigo Teijeiro, CEO do Sonico.

Inicialmente, o Sonico conta com uma equipe de 40 moderadores que analisam os dados registrados na rede social. Perfis que trazem imagens de pessoas famosas ou animais, no lugar das fotos dos usuários, são sumariamente bloqueados. A filtragem, segundo Teijeiro, também é feita por meio de ferramentas automatizadas, que procuram e apagam tópicos e comunidades com temas preconceituosos.

Este cuidado com o conforto do usuário é um dos principais chamarizes do modelo de negócios do Sonico, que exibe propaganda em quase todas as suas páginas. No exterior, segundo Teijeiro, a rede social já teve parcerias com a Coca-Cola, a Motorola e a Sony Ericsson. Além das propagandas o Sonico conta com o apoio de um grupo de investidores. Em junho passado, a empresa baseada em Buenos Aires recebeu um aporte financeiro de US$ 4,3 milhões de um grupo formado pela DN Capital, Fabrice Grinda, Martín Varsavsky e Alec Oxenford.

CURTA NO FACEBOOK

One Response so far.

  1. Regina disse:

    Milton, não sei se você ainda faz parte do SONICO. Mas eu o aconselho a tomar muito cuidado com esse site.
    Eles disponibilizam o nome e o e-mails dos usuários em sutes de busca como o Google e o Yasni. E não acho isso correto.
    Fizeram isto comigo, eu reclamei e eles me mandaram um e-mail, me acusando de coisas horríveis, muito sérias.
    E eu nunca havia me cadastrado no site. Não sei como conseguiram meu nome e meu e-mail.
    Estou movendo um processo contra eles, para que eles provem tudo o que disseram.


Como podemos divulgar seu site:

  • Campanha de Links Patrocinados no Google Adwords
  • Otimização de site - SEO Otimização Site
  • Campanha de marketing nas redes sociais
  • Criação de site Otimizado - Desenvolvimento de site