Facebook
RSS

As urnas comprovaram o que já dizia o Ibope: o candidato a deputado federal Tiririca conseguiu mesmo chamar atenção e foi eleito com mais de 1,3 milhão de votos. O palhaço, segundo estudo realizado pela empresa, se tornou um fenômeno mais popular até mesmo que os próprios candidatos à cadeira da Presidência da República.

De acordo com a ferramenta BuzzMetrics, que monitora assuntos comentados nas redes sociais, o nome “Tiririca” adquiriu grande repercussão na chamada mídia social logo que teve início o horário eleitoral gratuito. O termo foi citado mais de 1,5 mil vezes logo nos primeiros dias de exibição do horário e, em pouco tempo, essa marca atingiu um pico de quase 3 mil menções. Depois desse boom de comentários o nome do candidato reduziu gradualmente a intensidade de citações.

Mas já não importava mais. Tiririca se comunicou bem e agradou a “massa” online. Seu slogan “vote no Tiririca, pior do que está não fica” e roupas de palhaço o candidato foi ao encontro do gosto popular e deu certo. E a internet é um veículo propício para isso.

Vantagens e desvantagens, lucros e prejuízos da internet. A mesma mídia online que foi definitiva para eleger Obama, colaborou para eleger também Tiririca.

“Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas” – Antoine De Saint Exupéry

CURTA NO FACEBOOK

One Response so far.

  1. caio disse:

    hehe impressionante a capacidade que as pessoas tem de conseguirem satirzar tudo. Isso é até bom no ponto de vista da criatividade, no entanto esse lado precisa ser cultiivado. É importante que isso seja desenvolvido, principalmente na academia. Uma excelente forma de se fazer isso é buscando uma graduação de referência e acredito q o IESB pode oferecer tal graduação.


Como podemos divulgar seu site:

  • Campanha de Links Patrocinados no Google Adwords
  • Otimização de site - SEO Otimização Site
  • Campanha de marketing nas redes sociais
  • Criação de site Otimizado - Desenvolvimento de site